Estratégias de ensino sócio-individualizantes

Estratégias de ensino sócio-individualizantes são as que combinam as duas atividades.

A individualizada e a socializada, alternando em suas fases os aspectos individuais e sociais.

Abrangem, entre outros, o método da descoberta, método de solução de problemas, método de projetos, perguntas e respostas e resumo.

Método da Descoberta

Consiste em propor aos alunos uma situação de experiência e observação, para que eles formulem por si próprios conceitos e princípios utilizando o raciocínio indutivo.

O professor não transmite os conceitos e princípios de forma pronta e explícita.

Ele cria situações de ensino nas quais os alunos observam, manipulam materiais, experimentam, coletam dados e informações, para depois sistematizá-los e chegarem às conclusões necessárias.

Desta forma ele, por si mesmo, descobre, ou melhor, redescobre o conhecimento.

Analisando esse método, podemos afirmar que ele possui três características básicas: usa o procedimento indutivo; oferece ao aluno a possibilidade de uma participação ativa e encara o erro como sendo educativo.

Desta forma, o papel do professor é o de facilitador do processo de descoberta e aprendizagem.

Emitindo instruções claras e precisas, ajudando o aluno na generalização e sistematização dos novos conhecimentos adquiridos.

Método de Solução de Problemas

Consiste em apresentar ao aluno uma solução problemática para que ele proponha uma solução satisfatória.

Utilizando os conhecimentos de que já dispõe ou buscando novas informações através da pesquisa.

Esse método tem como objetivos:

  • estimula a participação do aluno na construção do conhecimento;
  • desenvolve o raciocínio e a reflexão;
  • favorece a aquisição de conhecimento, possibilitando sua aplicação em situações práticas de solução de problemas e
  • desenvolve a iniciativa na busca de novos conhecimentos, na tomada de decisão e na solução de problemas.

Método de Projetos

O ensino realiza-se através de amplas unidades de trabalho com um fim em vista.

E supõe a atividade propositada do aluno, isto é, o esforço motivado com um propósito definido.

O projeto é uma atividade que se processa a partir de um problema concreto e se efetiva na busca de soluções práticas.

Ele se caracteriza por cinco aspectos básicos:

  • O objetivo principal é o desenvolvimento do raciocínio aplicado à vida real, e não a simples memorização de informações;
  • o ato problemático desencadeia o projeto, despertando o exercício do pensamento com valor funcional;
  • a aprendizagem é realizada em situação real, integrando pensamentos, sentimentos e ação dos alunos;
  • a informação é procurada e pesquisada pelo aluno a partir da necessidade de solucionar um ato problemático e;
  • o ensino é globalizado, criando condições para a interdisciplinaridade.

No método de projetos, a atividade do aluno é fundamental.

O professor desempenha o papel de facilitador e orientador da aprendizagem, assistindo os alunos quando se fizer necessário.

Perguntas e Respostas

A aula expositiva pode ser enriquecida através da utilização da técnica de perguntas e respostas.

Desta forma, essa técnica consiste em o professor dirigir perguntas aos alunos sobre algo que estudaram ou sobre suas experiências.

Vale ressaltar, que ao fazer perguntas, o professor não deve ter o objetivo de julgar ou atribuir notas.

Mas estimular a participação.

Podem-se resumir da seguinte maneira os objetivos da técnica de perguntas e respostas:

  • Faz com que o aluno estude por conta própria, a fim de garantir confiança em sua capacidade de interpretar fontes de informações, sem a assistência do professor;
  • facilita o desenvolvimento da capacidade de expressão do aluno;
  • possibilita melhor conhecimento do aluno, seu tipo de personalidade, sua instrução e formação, o que facilitará a atividade didática.

A técnica também pode ser utilizada de maneira diferente, ou seja, os alunos perguntam e o professor responde.

Assim, o professor pode orientar os alunos para que estudem determinado tema.

E, a seguir, lhes dá oportunidade para que perguntem sobre as dúvidas surgidas.

Resumos

O resumo exige a identificação das ideias principais e das relações que o aluno estabelece entre elas, de acordo com seus objetivos de leitura e conhecimento prévio.

Quando estas relações não se manifestam, deparamo-nos com um conjunto de frases justapostas, com um escrito desconexo e confuso no qual dificilmente se reconhece o significado do texto do qual procede.

Desta forma, o professor deve ajudar os alunos a elaborar resumos para que estes possam aprender.

Não basta ensinar-lhes a aplicar determinadas regras.

Mas ensinar lhes a utilizá-las em função dos objetivos de ensino.

Neste sentido, o resumo torna-se uma autêntica estratégia de elaboração e organização do conhecimento.

By | 2017-11-28T18:31:49+00:00 04.12.17|0 Comentários

Sobre o Autor:

Graduada em Ciências Biológicas (licenciatura) pelo Centro Universitário Claretiano de Batatais, Mestre em Ciências (ênfase Ensino de Biologia) pela Universidade de São Paulo. Trabalha com biologia geral, com ênfase em estratégicas didáticas e linguagem.

Deixar Um Comentário